Santinha do pau-oco ou A origem da polêmica

Cuidado companheiro!

Há em todo passado um vespeiro.

Não é só porque ela lhe jura

Que merece a faixa: “sempre pura”.

 

 

Atrás de atos inocentes

Há sempre uma verdade inconveniente

Que por abaixo da saia ela vela

Sobre a natureza de sua leva:

Em toda donzela, uma cadela.

 

 

[pk]

Anúncios

4 comentários em “Santinha do pau-oco ou A origem da polêmica

  1. “Em toda donzela, uma cadela.”
    Perfeito! Eu tô me matando de rir aqui!…
    O mais engraçado é esta coisa de identidade secreta que vocês conseguem manter aqui… Não que seja a intenção, mas esta história de “coletivo (in)consciente”… Sei lá!
    Muito bom!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s