Back again

Se for para falar de amor chama a Paula, porque é Ela quem sabe colocar em palavras a angústia desse sentimento, tantas vezes reles,

por vezes escudo,

certas vezes hipócrita,

umas vezes obtuso,

às vezes calmo,

muitas vezes agudo.

Queria eu ter a coragem de encarar de frente esse monstro e domá-lo não a forceps, mas a escrita.

DF

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s